Durante o mês haverá apresentação de filme-concerto e mostra de filmes

Foto: Divulgação/©Roy Export S.A.S. All rights reserved

Para celebrar a obra de Charles Chaplin, o Instituto de Apoio à Orquestra Sinfônica do Paraná promove diversas atrações especiais durante o mês de agosto. O grande destaque serão as apresentações do filme-concerto “Tempos Modernos”. O longa-metragem será exibido enquanto a Orquestra Sinfônica do Paraná reproduz a trilha sonora ao vivo.

No dia 22 de agosto, às 20h30, o concerto acontece no Teatro Positivo, sendo que os ingressos podem ser adquiridos por R$ 30 (inteira) e R$ 15 (meia-entrada) pelo Disk Ingressos. Já no dia 25 de agosto, às 10h30, será do Teatro Guaíra, com ingressos por R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia-entrada) pelo Ticket Fácil.

O maestro titular da Orquestra Sinfônica do Paraná, Stefan Geiger, é um especialista na regência de concertos que acompanham filmes sem fala. Ele já regeu concertos com filmes renomados, como “O Artista”, “Ben Hur”, as comédias de Buster Keaton e dramas como o “Encouraçado Potemkin”. “Nesses casos, o maestro não é o chefe. O chefe é o filme, ele é que marca o tempo, e isso demanda grande técnica. A parte incrível fica por conta da plateia. Ela esquece que está em um concerto e sente-se livre para aplaudir, se assustar e dar risadas. Isso faz com que a orquestra tenha uma comunicação direta com o público”, afirma o masestro.

“Tempos Modernos” é um dos filmes mais conhecidos de Chaplin, tendo sido dirigido e roteirizado pelo artista. Foi um dos últimos longas mudos da história, realizado nove anos depois das falas já terem surgido no cinema e, ainda assim, ganhando destaque mundial. A obra faz uma crítica à revolução industrial e à relação homem-máquina por meio das divertidas vivências do carismático Carlitos.

A exibição do filme-concerto é autorizada pela Roy Export S.A.S, que detém os direitos da obra. A ação é realizada em parceria com o Centro Cultural Teatro Guaíra, o Palco Paraná, o Governo do Estado e o Ministério da Cidadania. O patrocínio é do Grupo Positivo.

A classificação é livre. O Teatro Positivo fica na Rua Professor Pedro Viriato Parigot de Souza, 5300 – Campo Comprido. Já o Teatro Guaíra fica na Rua Amintas de Barros, s/nº – Centro.

Mostra de cinema e ações paralelas
Dentro da iniciativa do Instituto de Apoio à Orquestra Sinfônica do Paraná, ainda estão previstas diversas outras atividades paralelas ao filme-concerto. No dia 17, acontece uma performance de atuação e música em pontos estratégicos do centro de Curitiba. “Não queremos divulgar horários exatos e locais, pois a ideia é justamente ser uma surpresa para o público e, ao mesmo tempo, levar às pessoas um pouco do clima do evento que acontecerá no Teatro Positivo”, explica a advogada e produtora cultural Marcella Souza, membro da diretoria do IAOSP.

Entre os dias 15 e 21 de agosto, na Sala Luz do Cine Passeio, também acontece uma mostra paralela de cinema com exibição de outras obras de Chaplin, sempre às 20h30. Entre os filmes, estão: “O Garoto” (1921), “O Vagabundo” (1916), “Luzes da Cidade” (1931), “O Grande Ditador” (1940) e “Luzes da Ribalta” (1952). A ação acontece em uma parceria do IAOSP com o Cine Passeio com o objetivo de promover o filme-concerto.

A entrada para a mostra de cinema é gratuita. A classificação é livre. Os ingressos podem ser retirados na bilheteria do Cine Passeio, uma hora antes de exibição – sujeito a lotação do espaço. O endereço é Rua Riachuelo, 410 – Centro.

Programação da Mostra Chaplin no Cine Passeio

  • 15 de agosto, às 20h30: O Garoto (1921) | 1h08 e O Circo (1928) | 1h12
  • 16 de agosto, às 20h30: O Campeão de Boxe (1915) | 31mim e Em busca do ouro (1925) | 1h35
  • 17 de agosto, às 20h30: O Vagabundo (1916) | 34 mim e Luzes da Cidade (1931) | 1h27
  • 18 de agosto, às 20h30: O Grande Ditador (1940) | 2h05
  • 20 de agosto, às 20h30: Monsieur Verdoux (1947) | 2h04
  • 21 de agosto, às 20h30: Luzes da Ribalta (1952) | 2h17

Mais informações no site www.apoiosinfonicaparana.com.br.