Com regência do maestro uruguaio Diego Naser, o programa do concerto terá também música do brasileiro Nunes Garcia

Foto: Kraw Penas/SEEC

Após o Concerto Barroco realizado no último domingo, a Orquestra Sinfônica do Paraná apresentará no dia 16 de junho, às 10h30, no Guairão, um concerto com obras de Mozart, Schubert & Garcia. A regência  será do maestro convidado Diego Naser, diretor musical da Orquestra Sinfônica do Sodre, no Uruguai.

As obras que serão apresentadas foram escolhidas para dar ao público um panorama do que foi a música clássica na Europa e no Brasil. É a porta de entrada para quem está começando a se familiarizar com a música orquestral e seus diferentes estilos.

Apesar de ser um termo popularmente utilizado para descrever a música orquestral em geral, música clássica, segundo estudiosos e profissionais da área, é na verdade aquela produzida logo após o período barroco, entre o final do século XVIII e início do XIX. Este período ficou conhecido como clássico por adotar um estilo musical mais claro e simples do que as composições barrocas.

Não é a toa que o período clássico se tornou um dos mais famosos da história da música. Grandes nomes como Mozart, Beethoven e Schubert são alguns dos compositores que representaram esta época tão importante. No Brasil, a música clássica se desenvolveu após a vinda da família real portuguesa e a proclamação da independência. Neste cenário, compositores nacionais, como o padre José Maurício Nunes Garcia, encontraram espaço para desenvolver suas próprias linguagens musicais.

Os ingressos custam R$ 20 e R$ 10 (meia-entrada) e estão disponíveis na bilheteria do teatro ou pelo site da Ticket Fácil. O Guairão fica na Rua Conselheiro Laurindo, s/nº (em frente à Praça Santos Andrade) – Centro. Você encontra mais informações sobre os concertos de 2019 da Orquestra Sinfônica do Paraná neste link.