Balé Teatro Guaíra celebra 50 anos com programação especial de espetáculos em maio

/, Dança, Eventos Culturais/Balé Teatro Guaíra celebra 50 anos com programação especial de espetáculos em maio

Companhia vai apresentar sucessos como A Sagração da Primavera e Segundo Sopro. Todos os espetáculos serão abertos com homenagem para O Grande Circo Místico

Foto: Divulgação

O Balé Teatro Guaíra apresenta uma programação especial em 2019 para celebrar os 50 anos de sua criação. Em maio, ocorre a Mostra de Repertório no Guairão com grandes sucessos da história do BTG, como A Sagração da Primavera, Carmen e Segundo Sopro. Um trecho de O Grande Circo Místico, visto por 200 mil pessoas na década de 80, será apresentado na abertura de todos os espetáculos.

O BTG foi criado em 1969 e é a terceira companhia pública mais antiga do país. Em 50 anos de história, foram dançadas mais de 150 coreografias, com a passagem de grandes nomes da dança nacional, como Ana Botafogo, que estreou no Guairão como solista, e Carlos Trincheiras, coreógrafo de O Circo.

De 3 a 5 de maio, o Balé Teatro Guaíra apresenta A Sagração da Primavera, de Igor Stravinsky, acompanhado pela Orquestra Sinfônica do Paraná. A coreografia apresentada pelo BTG é da portuguesa Olga Roriz e estreou em 2012. Para atingir a estrutura rítmica e as nuances da música elaborada por Stravinsky, é necessário uma orquestra com 94 músicos, incluindo duas tubas wagnerianas – hoje somente a Osesp tem esses instrumentos entre todas as orquestras do Brasil. Para as apresentações de A Sagração, 32 músicos extras foram contratados.

A primeira apresentação de A Sagração da Primavera em 29 de maio de 1913, em Paris, marcou o início do modernismo. Com um estilo de dança e composição musical nunca antes apresentado, o compositor Stravinsky e o coreógrafo Nijinsky chocaram a plateia. A versão com o Balé Teatro Guaíra, da coreógrafa portuguesa Olga Roriz, é ousada e visceral, um apelo à redenção e à confiança no futuro, uma demonstração de luta contra a submissão ou o medo. Não há vítima – a eleita, ainda que sua escolha signifique a morte, abraça sua missão como uma honra, bate no peito e sorri desafiadora.

No dia 8 de maio, será a vez do espetáculo Carmen, do coreógrafo Luiz Fernando Bongiovanni. Ele iniciou uma parceria com a companhia em 2008 de releitura de clássicos como Romeu e Julieta. O objetivo é aproximar o público da dança contemporânea e democratizar o acesso à cultura, trabalhando com formação de plateia.

Para fechar as apresentações em Curitiba, nos dias 11 e 12 de maio será apresentado O Segundo Sopro, um grande sucesso dos anos 90 que ficou conhecido como “balé das águas” – foi a primeira coreografia nacional em que chovia no palco. A equipe técnica do Teatro Guaíra desenvolveu uma tecnologia própria que possibilita a chuva e a formação de um espelho d’água no palco, fazendo os bailarinos literalmente deslizarem na água.

A homenagem para O Grande Circo Místico, que ocorrerá em todas as apresentações, mostrará o dueto de Beatriz e a carreira, última cena da versão original. Esse espetáculo foi escolhido por ser o mais icônico da história da companhia. O Circo foi criado por Edu Lobo e Chico Buarque especialmente para o Balé Teatro Guaíra e estreou em 1983. Foi um divisor de águas e projetou o BTG nacional e internacionalmente – foram mais de 200 apresentações, uma delas lotou o Maracanãzinho no Rio de Janeiro.

A classificação é livre. Os ingressos para cada espetáculo custam R$ 20 e R$ 10 (meia-entrada) e podem ser adquiridos na bilheteria do teatro ou no site Disk Ingressos. O Teatro Guaíra fica na Rua XV de Novembro, 971 – Centro. Mais informações no site www.teatroguaira.pr.gov.br.

Confira a programação completa da Mostra de Repertório do Balé Teatro Guaíra

Trechos de O Grande Circo Místico + A Sagração da Primavera com participação da Orquestra Sinfônica do Paraná
Data: 3 a 5 de maio
Horário: sexta e sábado às 20h30 e domingo às 19h

Trechos de O Grande Circo Místico + Carmen
Data: 8 de maio
Horário: 20h30

Trechos de O Grande Circo Místico + O Segundo Sopro
Data: 11 e 12 de maio
Horário:  sábado às 20h30 e domingo às 19h

2019-05-06T09:25:09-03:00 06 maio - 2019 |0 Comentários

Deixe uma resposta