APACN pede doações para o seu 6º Bazar Estilo Solidário, que acontece em maio

/, Eventos Gerais, Feiras e Bazares/APACN pede doações para o seu 6º Bazar Estilo Solidário, que acontece em maio

O bazar é conhecido por reunir roupas de marcas famosas e tem toda a renda revertida para crianças em tratamento de câncer

Foto: Reprodução Facebook APACN

Com o slogan Ajudar o próximo nunca sai de moda, a Associação de Apoio à Criança com Câncer (APACN) promove em maio a 6ª edição do Bazar Estilo Solidário da APACN, que reúne roupas e calçados feminino, masculino e infantil e diversos acessórios. Toda a renda é revertida para atender gratuitamente crianças e adolescentes que vêm a Curitiba para realizar tratamento de câncer.

São itens criteriosamente selecionados, novos e seminovos, de marcas conhecidas, tanto nacionais como internacionais, como  Zara, Santa Lolla, Hering, Carmen Steffens, Ralph Lauren, Shoulder, Le Lis Blanc e outras. O bazar também conta um espaço de peças com o preço único de R$ 10.

Mas, para a realização do bazar, a associação precisa de roupas, calçados e acessórios, que podem ser doadas tanto por pessoas físicas quanto por lojas. Os itens podem ser entregues na Casa de Apoio da APACN, na Rua Oscar Schrappe Sênior, 250, no bairro Tarumã, de segunda a sexta em horário comercial, com a identificação “Doação 6º Bazar Estilo Solidário APACN”.

O bazar acontece nos dias 9 e 10 de maio, das 10h às 19h, e no dia 11 de maio, das 10h às 17h. A entrada é gratuita. O endereço é Avenida Getúlio Vargas, 2201 – Água Verde. Mais informações pelo telefone (41) 3024 7475 ou na página do Facebook.

Sobre a APACN

Instituição sem fins lucrativos, de utilidade pública federal, estadual e municipal, a APACN  (Associação de Apoio à Criança com Câncer) foi criada em 1983 para atender gratuitamente crianças e adolescentes de todo o Brasil que vêm a Curitiba realizar tratamento de câncer.  As unidades de atendimento da associação são a Casa de Apoio, Ambulatório Menino Jesus de Praga e Centro de Pesquisas (CEGEMPAC). Somente em 2018, foram atendidos 1.487 hóspedes na unidade Casa de Apoio. Esses hóspedes são pacientes, acompanhantes e doadores de medula óssea, quando o caso exige transplante.

 

 

2019-04-18T15:47:50-03:00 18 abril - 2019 |0 Comentários

Deixe uma resposta